29 de ago de 2010

ARROZ DOCE CREMOSO COM CALDA DE MARACUJÁ



Ingredientes

.1 xícara de arroz
.1 xícara (chá) de suco de maracujá concentrado
.4 1/2 xícaras (chá) de água
.3 cravos
.1 pau de canela
.1 lata de leite condensado
.1/2 lata de creme de leite sem soro


Calda:

.1 xícara (chá) de água
.polpa de 2 maracujás
.1 xícara (chá) de açúcar


Lave o arroz. Em uma panela ponha o suco de maracujá, a água, os cravos e a canela. Leve ao fogo e deixe ferver. Acrescente o arroz e cozinhe no fogo brando até que ele fique bem macio. Junte o leite condensado e cozinhe por mais cinco ou seis minutos. Desligue o fogo e em seguida misture o creme de leite. Deixe esfriar um pouco e distribua em taças. Calda: Em uma panela misture a água, a polpa do maracujá, o açúcar e mexa bem. Leve ao fogo e deixe engrossar no fogo brando, sem mexer. Deixe esfriar e sirva sobre o arroz-doce.


Dica:

Sirva o arroz-doce quente ou frio. Dos dois jeitos fica excelente!

CALDAS DE AÇÚCAR




.Água e açúcar


Caramelo:

Numa panela, leve somente o açúcar ao fogo e deixe se derreter até ganhar a cor dourada. Depois acrescente aos poucos a quantidade de água indicada na receita, mexendo sempre até o açúcar se dissolver. A proporção ideal é, para cada xícara de açúcar, 1/4 de xícara de água. Lembre-se de que, quanto mais cozinhar, mais grossa ficará a calda.



Fio fino:

Ponha uma xícara de açúcar e meia de água na panela e deixe no fogo por 17 minutos. Retire uma pequena quantidade, deixe esfriar e pegue com o polegar e o indicador, afastando-os em seguida. Estará no ponto ao se formar um fio fino e firme.



Fio forte:

Deixe a calda engrossar um pouco mais do que para o fio fino. Retire uma pequena quantidade, deixe esfriar e pegue com o polegar e o indicador, afastando-os em seguida. Estará no ponto ao se formar um fio grosso e resistente.


Bala mole:

Deixe a calda no fogo por apenas oito minutos. Com uma colher, pegue um pouco e ponha em um recipiente com água fria. Estará no ponto quando, ao retirá-la da água, se formar uma bola que perde a forma.



Bala dura

Deixe a calda no fogo por 13 minutos. Ponha um pouco em um recipiente com água fria. Com a ponta dos dedos, retire da água e faça uma bolinha. Estará no ponto se a bolinha mantiver a forma.



Pérola e mel:

Pérola é quando a calda, após cinco minutos de fervura, cai em fio formando uma bolinha na ponta. O de mel é obtido quando a calda começa a engrossar e, ao ser friccionada com os dedos, tem a consistência semelhante à do mel.



COMPOTAS DE TANGERINA



.8 tangerinas
.1 xícara (chá) de açúcar
.1 xícara (chá) de água
.3 cravos-da-índia
.1 pau de canela
.3 colheres (sopa) de suco de limão

Descasque as tangerinas e separe os gomos. Retire a pele, sem desmanchar os gomos, e reserve. Ponha em uma panela o açúcar, a água, os cravos-da-índia e a canela. Mexa até dissolver o açúcar e leve a panela ao fogo baixo. Cozinhe por sete minutos ou até obter uma calda rala. Retire do fogo e descarte os cravos e a canela. Adicione o suco de limão e misture bem. Ponha os gomos de tangerina dentro da calda e deixe esfriar completamente. Em seguida arrume em uma compoteira e deixe na geladeira até o dia seguinte. Sirva na temperatura ambiente.

Dica:
Sirva com iogurte natural ou com sorvete de chocolate. Fica uma delícia!


Fonte : ANAMARIA

26 de ago de 2010

COMO FAZ ALGODÃO DOCE ?


O algodão-doce é um daqueles alimentos que não fazem nenhum sentido enquanto você não descobre o segredo de sua produção. Não há como produzir algodão-doce sem equipamento especial, mas se você tiver a máquina o processo é incrivelmente fácil.
O algodão-doce nada mais é do que açúcar puro. Para deixar o açúcar "felpudo" daquele jeito você irá precisar de:


•calor para derreter o açúcar e transformá-lo em líquido;

•uma série de minúsculos orifícios por onde o açúcar líquido possa escorrer para formar filamentos;

•um cilindro giratório que impulsiona o açúcar líquido para fora de modo que ele seja forçado através dos orifícios;

•uma vasilhame para pegar os filamentos;

O aquecedor existente no cilindro derrete o açúcar transformando-o em líquido. Em seguida, a máquina de algodão-doce faz o cilindro girar forçando o açúcar líquido para fora através dos pequenos orifícios. No momento em que os tênues filamentos de açúcar entram em contato com o ar eles esfriam e se solidificam outra vez, formando assim uma teia de fios de açúcar no vasilhame da máquina. A teia pode ser facilmente recolhida com um cone de papel.

Se você misturar água com algodão-doce, ele se dissolve instantaneamente, então você pode ver que aquilo não passa de uma colher de sopa ou duas de açúcar dentro do saquinho.

Lá no meu serviço quando vendo uma máquina de algodão, tem sempre açúcar de reserva e a gente fica torcendo para o cliente pedir para testar.... é uma festa, todo mundo quer ver, quer comer, botar a mão, hummmm muito bom!!!  Adoro!! Fico mais empolgada que o cliente, até disputo o algodão com a criançada que se junta para experimentar !!! 

25 de ago de 2010

RECEITA DE CREPE SUÍÇO ou CREPE NO PALITO



Quem me conhece sabe que trabalho com equipamentos de cozinha industrial e equipamentos de gastronomia em geral, esta época do ano é muito procurado essa máquina de crepe suíço, por ser um equipamento um pouco leve, pequeno , dá para trabalhar em festas de rua, shopping, feiras, festas de aniversário, festas de 15 anos, temáticas, lanchonetes etc... é uma ótima opção para quem quer começar um negócio, fácil, barato e lucrativo e com um produto muito gostoso e de ótima aceitação. Eu tenho em casa uma prensa tipo aquelas de misto quente que se pôe na boca do fogão... mas esta é de crepe no palito, fica igualzinho os feitos na máquina, mas só dá para casa, pois não dá vazão para vender. Tenho recebido muitos emails pedindo esta receita, então passo a receita original que vem na máquina. Aproveitem, a criançada adora e os adultos ... hummmmm nem se fala. Delícia... bjinhos!!!

A quantidade é para vender, se quizer fazer menos é só reduzir a receita, qualquer dúvida deixe um comentário que passo a receita reduzida.

 

Receita  I
Ingredientes -

Rendimento: Aproximadamente 7 litros (175 crepitos)


  • 16 Ovos
  • 4 Colheres (Chá) Sal
  • 16 Xíc. (chá) Farinha de Trigo
  • 8 Colheres (Chá) Fermento
  • 12 Xíc. (Chá) Maizena
  • 3 Litros Água
  • 20 Colheres (Sopa) Queijo Ralado Parmesão  (se a massa for salgada)
  • 8 Colheres (Sopa) Açúcar
  • 24 Colheres (Sopa) Leite em Pó

- Misturar em um recipiente todos os ingredientes secos, acrescentando em seguida os ovos (claras e gemas). Misturar adicionando simultaneamente água, de preferência gelada, até obter uma massa pastosa e absolutamente uniforme (batedeira ou liquidificador).

Armazenamento

- Colocar em recipiente plástico de boca larga com capacidade máxima de 2 litros (mantenha-o sem tampa na geladeira). Para transportar, manter fechado. Utilização da massa

- Usar caneca com "bico", de aproximadamente 500ml para despejar a massa nas cavidades e evitar alterações na qualidade. Manter o recipiente com massa resfriado na geladeira ou em isopor com gêlo, deixando fora somente a quantidade para consumo (3 horas). Recheios recomendados

- Salsicha, queijo com presunto ou com goiabada, provolone, doce de leite e chocolate. Quando rechear com queijo e goiabada, esta deverá ficar no meio, para não escorrer no palito quando aquecida.

 


Receita  II


Rende 150 unidades
Ingredientes:

  • 16 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • 12 xícaras (chá) de maisena
  • 8 colheres (chá) de fermento em pó
  •  8 colheres (chá) de sal
  •  4 colheres (sopa) de açúcar
  • 16 ovos
  • 3 litros de leite


Misture os ingredientes secos, peneirando-os. Adicione, aos poucos, os ovos previamente batidos numa vasilha (não esqueça de passa-los por uma peneira para remover a película que dá cheiro forte ao ovo). Acrescente o leite devagar, até formar uma massa de consistência cremosa, porém fluida. Misture tudo com uma colher de pau. Leve à batedeira ou ao liquidificador, para dissolver possíveis pelotas.


Ligue a máquina de crepe ajustando-a na temperatura de 260ºC. Quando a luz apagar, indica que atingiu a temperatura ideal. Com a massa já pronta (e os recheios cortados e espetados no palito), despeje a massa nas cavidades, preenchendo-as.

Em seguida e rapidamente, antes que a massa comece a assar, coloque o espeto de queijo sobre a massa e gire-o até que fique todo recoberto. Feche a tampa da máquina. Aguarde cerca de um minuto antes de abrir a tampa. Verifique se os crepes estão dourados. Caso contrário feche a tampa novamente. Abra a tampa e corte os crepes com uma faca separando-os das cavidades. Sirva ainda quente.

Para fazer crepe de chocolate, despeje a massa nas cavidades, coloque o espeto e despeje um pouco mais de massa.


Dicas:

1) A cada nova produção de crepes limpe os resíduos da massa na máquina, retirando-os delicadamente com uma colher.

2) Para fazer recheio de chocolate ou de doce de leite (ambos em barra), coloque-o sobre a massa com o palito e despeje mais massa por cima, apenas o suficiente para cobri-lo. Os outros recheios não necessitam de uma camada adicional de massa.

3) Se quiser incrementar o crepe de queijo, salpique orégano sobre ele antes de fechar a tampa. O tempero dá um sabor especial.

4) Compre sempre farinha e maisena de boa qualidade e evite usar farinha que já contenha fermento: o resultado não é bom.

5) A massa de crepe serve para os recheios doces e salgados. Não diminua a quantidade de açúcar indicada na receita. Ele vai ajudar no crescimento da massa.

6) Você pode fazer massa mais fina ou mais consistente. Para uma massa mais fina troque 250ml de leite por 250ml de água.


 







17 de ago de 2010

BOLO DE CHOCOLATE DE LIQUIDIFICADOR "o melhor "



Já postei este bolo ano passado, mas tenho que por novamente, pois esse bolo mereçe.... Semana passada cheguei a fazer 6 vezes em uma semana para levar para o serviço para vender e comer também, né? Não resisto, acho particilarmente que no dia seguinte ele fica melhor ainda, mais pesado e úmido, Experimente e depois me diga, se não é maravilhoso!!  Todo mundo que come quer a receita!!!
Então aí está...



1 xícara de leite morno
3 ovos
4 colheres (sopa)  margarina
2 xícaras de  açúcar
1 xícara de  chocolate em pó ou achocolatado (com o chocolate em pó ele fica mais pretinho)
2 xícaras de  farinha de trigo
1 colher fermento bem cheia

Cobertura:

1  lata de  leite condensado
1 colher de  margarina
6 colher de  chocolate pó
1/2 creme de leite

Levar ao fogo até ficar brigadeiro mole e misturar o creme de leite


Bater no liquidificador todos os ingredientes, po último o  o fermento.
Assar em forno pré aquecido. Forma somete untada ( para não formar aquela barriga no meio do bolo)
Depois de assado fure o bolo e faça uma caldinha rala com água + 1 colher de açúcar + cravo + canela (leve ao fogo até ferver e use) Jogue essa caldinha no bolo furadinho.
Colocar a cobertura com o bolo morno. Se quiser coloque granulado.



MARAVILHOSO!!! O MELHOR BOLO DE CHOCOLATE FOFO QUE JÁ FIZ E COMI !!
Fácil de fazer, barato e prático, rende bastante ele cresce e fica uma massa super leve e úmida.

ENSOPADINHO DE CARNE COM BATATA


Sabe quando a gente chega em casa com muita fome e sem paciência de ficar horas no fogão preparando uma jantinha especial e quando você olha no freezer e tem uma porção de carne e dá uma espiadinha e encontra algumas batatas perdidas e você vê pensa, minha salvação... pois é isso mesmo que eu pensei e está sendo meu cardápio quase todos os dias, meu marido já té sabe o prato da janta. Estou chegando muito cansada e estou um pouco sem disposição, então penso no mais facil... Se você também se encontra na mesmo caso é uma boa opção, eu adooorooo.. Facil, barato e rende bastante.

Ingredientes


  • 500 gr de contra filé, alcatra ou chã

  • tempero GRIL ao seu gosto (ultimamente estou usando para temperar carnes, fica muito bom)

  • 2 colheres bem cheias de margarina (uso Qually)

  • 3 batatas grandes

  • 1 cebola picadinha
Em uma frigideira reta coloque um fio de óleo e a margarina
Deixe esquentar bem, ponha os bifes já temperados, deixe selar de um lado e depois vire para selar o outro lado, retire ponha em uma tábua e corte em iscas bem fininhas. Reserve
 (no meio eles ainda estarão crus)
Descasque as batatas e corte ao meio e corte tipo meia lua bem fininhas, ponha para cozinhar um pouco, mas sem amolecer muito, retire e reserve.



Na mesma frigideira que você selou os bifes, coloque a cebola picadinha naquele caldo de carne com margarina, deixe dorar um pouquinho a cebola e ponha as iscas de bife e deixe fritar até estar totalmente cozidas e douradas, balançe a frigideira e não mexa com a colher, ponha as batatas, mexa mais um pouco para juntar as batatas com a carne e salpique orégano por cima e tampe. hummmm fica muito bom e sem aquele caldo tipo sopinha que na maioria dos ensopadinhos tem. Fica úmido e muito gostoso. Não ponha sal para temperar, use somente o GRIL, pois ele já tem sal, prove se achar que precisa de sal coloque mais do tempero. Depois me diga se gostou. Bjinhos para todos e obrigada pelos email e comentários Bjs.Bárbara


16 de ago de 2010

MEU ATUAL ALMOÇO " CUP NOODLES "


Sempre vi nos supermercados esses potinhos para vender, mas nunca pensei em comprar. Sempre tenho na minha lista de compras os miojos, super básicos, mas um dia resolvi comprar para experimentar , sai para almoçar já era 15:00 hs e não consegui encontrar próximo do meu trabalho, algum lugar que vendesse comida aberto, então corri para o supermercado e pronto era a hora de experimentar, super, super fácil, água fervente e pronto aguardar 3 minutos e mandar brasa.. Adorei, vi pela net que aquele temperinho que vem nos macarrãos instantâneos faz muito mal,por causa do excesso de sódio,  mas se comer de vez em quando acho que não tem problema, também era o que tinha em mãos. Pronto viciei adoro toda essa praticidade!!

3 de ago de 2010

ESPECIAL " BRIGADEIRO DE COLHER "


 Brigadeiro de colher de maracujá

Ingredientes

. 2 latas de leite condensado
. ½ xícara (chá) de suco de maracujá concentrado
. 2 colheres (sopa) de manteiga
. 1  lata de creme de leite

Em uma panela misture o leite condensado, o suco de maracujá e a manteiga. Leve ao fogo brando, mexendo sem parar até começar a soltar do fundo da panela. Desligue o fogo e misture o creme de leite. Distribua em copinhos e decore com polpa de maracujá e raspas de chocolate branco.

 

Para variar os sabores substitua o suco de maracujá por:

-200 gr de castanha de cajú torrada sem sal, triturada   Sabor brigadeiro de colher castanha de caju

Pistache, nozes ou amendoim (outras opções)

-200 gr de chocolate meio amargo picado  ( o meu preferido )

Outras opções de sabores

-Tradicional
- Amargo

- Ovomaltine

- Branco

- Beijinho

- Amendoim

- Nozes

- Avelã

- Castanha de caju

- Castanha do pará

- Macadâmia

- Pistache

- Damasco

 - Canela
- Especiarias

- Doce de Leite  
 

- Maracujá
- Limão

- Frutas Vermelhas

- Amarula

- Whisky 

- Passas ao rum
- Milho verde

- Licor de cacau
- Banana com canela


Estas fotos abaixo é uma opção de como servir em eventos, festas de anversários, lembraçinhas de batizados etc.. Particularmente acho uma excelente idéia e super criativa. Essas graçinhas são feitas pelo pessoal do Atelier M.Azevedo, são especialistas do assunto 10000000.